quarta-feira, agosto 29, 2007

Receita de vida

Ingredientes:
2 bons sensos;
2 corações;
2 vontades;
1 objetivo;
Amor a gosto.

Modo de preparo:
Coloque em uma panela os dois bons sensos. Eles têm que se adequar e se encaixar de tal forma que nenhum seja superior ao outro. É preciso que seja despejado sobre eles as vontades de ter um futuro bonito e um presente real. O objetivo é um só e deve ser eterno. Os corações devem estar recheados com os demais ingredientes e ter muita disposição para receber o amor. Esse pode ser colocado em quantidades exageradas. Rendimento: uma porção para todas as vidas.

Resto

Uma lágrima está para cair no canto do olho direito. Ele parece mais chorão do que o outro. Não sei o motivo. Estava só a pensar na vida, a raciocinar sobre o que ela tem de bom e ruim. Agora, sei que estou feliz, que tenho motivos para comemorar, que sou bem quisto e sei querer bem. O que me importa é isso, o resto... bueno, o resto é o resto e pronto.

Palavras

As palavras que machucam têm a mesma origem daquelas que emocionam. Aquelas que deixam tristes são substituídas por outras que fazem virar pintura no rosto o sorriso e marcam para sempre o coração.

Espinhos

É difícil entender as coisas do coração. Nos submetemos às vontades da outra pessoa; vivemos com a certeza de que somos mais do que apenas "eu". Pensamos a cada minuto em forma de mostrar tudo o que se sente. Nem sempre o que se colhe nos caminhos da vida são rosas. Muitas vezes temos espinhos, que a própria vida nos ensina a driblar. Alguns deles ignoramos, outros ficamos martelando e isso nos irrita, que droga! O bom é que logo passa e esses espinhos viram pedras que usamos para montar a escada do conhecimento, do amor, enfim, do sucesso...

Que demora

ih, que demora para escrever, né? Pois bem, não faltaram motivos, nem vontade. Não sei explicar ao certo o que fez com que eu ficasse tanto tempo longe dessa página. Nesse período vivi bons momentos, senti a vida, fiz coisas que não acreditei que tivesse coragem. Fui, sobretudo, eu. O melhor de tudo: me sinto muito feliz assim.